quarta-feira, 29 de junho de 2011

A Posição de Collins

Francis S. Collins é um geneticista norte americano, diretor do Projeto Genoma Humano e um dos principais responsáveis pelo mapeamento do DNA humano. Collins pertence ao pequeno grupo dos cientistas que acreditam firmemente em Deus. No caso dele, de forma muito ativa: lançou em 2006 nos Estados Unidos o livro “The Language of God: A Scientist Presents Evidence for Belief” (já traduzido para o português). No entanto, associar Deus com a evolução, seria uma visão de meio termo. Como diz Ariel Roth, com esse tipo de abordagem pode-se ter uma posição científica semissecular e um Deus para resolver os mais difíceis problemas da evolução, como a origem da vida e a explosão cambriana.


Essa idéia não é encontrada em revistas acadêmicas, mas certamente faz parte da reserva ‘intelectual’ de vários cientistas para conviver bem nos dois campos aparentemente opostos. Entretanto, se ‘oficialmente’ for permitida a entrada de Deus no processo, a mudança é radical e permite ‘resolver’ todas as dificuldades que hoje se mostram sem explicação. Será essa uma posição satisfatória (ou confortável) para os evolucionistas do acaso?

Nenhum comentário:

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...