sábado, 7 de março de 2009

Idolatria darwinista?


A foto fala por si mesma.



Fonte:

http://www.flickr.com/photos/35632151@N02/3328255551

4 comentários:

Cleiton Heredia disse...

Darwin é venerado (idolatrado?) talvez nem tanto por ter desenvolvido uma teoria brilhante e genial (neste caso Einsten deveria estar a frente dele), mas simplesmente por representar para o homem moderno a possibilidade de poder viver sem um deus para lhe cercear e prestar contas depois desta vida.

Acredito que a questão aqui é mais psicológica do que científica.

Este vitral na foto desta postagem é uma clara afronta à religião (especialmente cristã) que muito se utiliza deste recurso para expor seus ícones de fé, e reforça a minha tese acima.

CONVICTOS OU ALIENADOS? disse...

Frank:

Talvez idolatrado, jamais adorado. Eu diria que é uma chama que nos permite notar que pode existir um (ou mais) outro lado da história que nos foi imposta, sem nos permitir considerar demais possibilidades...

Carlos H. disse...

Olá..
Ando acompanhando seu blog e costumo abordar assuntos relacionados no meu blog, daí meu interesse em participar das reflexões.

Concordo com os comentários acima. Mesmo que para os criacionistas (e muitos ateus também, cumpre lembrar) a evolução não explique de forma satisfatória a origem das espécias e/ou da vida, a teoria de Darwin foi mais longe que as outras, nesse sentido, daí seu destaque.

Eu me pergunto também se essa noção dogmática do darwinismo seria como é se os criacionistas não se manifestassem, mantendo sua fé à parte e deixando a teoria de Darwin ser discutida apenas dentro da ciência, onde ela poderia ser revista e questionada sem causar furor social pois o tal movimento dos novos ateus é uma reação da comunidade científica à influência das religiões na ciência e na política, assim, qualquer questionamento à teoria é usado como arma pelos criacionistas, fazendo com que os cientistas adotem posturas defensivas, visto que não apenas o Darwinismo é posto em cheque mas toda a a ciência como criadora de conhecimento! Penso que é essa postura defensiva é que é vista como dogmática.

Claro que há aqueles que pegam o bonde andando e acabam dando força à visão dogmática (como quem lê "Deus: Um delírio" e sai por aí pregando o ateísmo, sem se dar conta de que faz isso por consequência do tal movimento social).

Haja pano pra essa manga....

Parabéns pelo seu blog. Gostei muito.

Ricardo disse...

E qual a crise em se idolatrar Darwin? Tem gente idolatrando de tudo por ai. Até carpinteiro pode ser idolatrado, porque não um cientista?

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...